PREPARAÇÃO PARA WESAK

O SEGUNDO FESTIVAL MAIOR

O mês de maio tem um profundo significado para quem está afiliado à Grande Loja Branca (como estão todos osverdadeiros esoteristas). Neste mês tem lugar o Festival de Wesak, que é de grande e profunda importância.

Quem pode participar?

Lembrem-se que não importa quem somos, onde estamos situados, nem qual é a característica do nosso meio ambiente; não importa o quanto podemos estar nos sentindo isolados, ou separados de todos que estão compartilhando a nossa visão espiritual, cada um de nós, neste dia e durante o período imediatamente posteriore anterior, pode trabalhar, pensar e atuar de forma grupal e funcionar como um silencioso distribuidor de força.

Que todos os que procuram ajudar considerem cuidadosamente o que podem fazer e com o que contribuir. Quedepois de uma devida análise, pesem o que podem sacrificar e como podem submergir suas personalidades, geralmente egoístas, neste grande “impulso” da Hierarquia, do Novo Grupo de Servi­dores do Mundo e doshomens de boa vontade em todo o mundo. Assim serão derrubadas as barreiras que separam um homem deoutro e uma nação de outra. O espírito de paz pode se tornar tão poderoso que os reajustes necessários se realizarão de maneira natural e suave. A iluminação das mentes dos homens e a renovada organização dos seusesforços pela conquista da fraternidade podem ser estimuladas em uma nova e crescente atividade.

Que atitude adotar no período da Lua Cheia?

Durante os dois dias anteriores à Lua cheia, manteremos a atitude de dedicação e serviço e procuraremosassumir a atitude receptiva ao que a nossa alma transmitirá e nos fará úteis à Hierarquia. A Hierarquia trabalhapor intermédio de grupos de almas, e a potência deste trabalho grupal deve ser posta à prova. Estes grupos, por sua vez, fazem contato e nutrem as expectantes, dedicadas e atentas personalidades. No dia da Lua cheia, procuraremos nos manter firmemente na luz, sem fazer conjecturas sobre o que sucederá nem buscar resultados nem efeitos tangíveis.
Nos dois dias subsequentes, afastaremos o foco da nossa atenção firmemente de nós mesmos como também o dos planos subjetivos in­ternos ao mundo externo, e nosso esforço consistirá em transmitir, ou transferir a medidade energia espiritual com a qual tenhamos feito contato. Terá então finalizado nosso trabalho neste campo decolaboração particular e especial.

Importância do emprego inteligente da Grande Invocação

Os representantes das Unidades de Serviço de todo país devem ser chamados a colaborar e esta instrução será dada a eles se forem conhecidos e sabendo-se que eles têm interesse. O que se deseja alcançar é a difusão ampla e geral e o emprego inteligente da Grande Invocação. Por todos os meios possíveis há de se instar o público a empregá-la. Devem ser utili­zados o rádio e a imprensa, e estabelecer um contato com os homens deboa vontade, mesmo que, do ponto de vista do ocultista não sejam iluminados nem se deem conta da presençaorientadora da Hierarquia e da oportunidade brindada pelo esforço unido do Buda e do Cristo.

Perguntas “que induzem” à correta ação

Poderia lhes formular algumas perguntas? Que importância tem pessoalmente para vocês este plenilúnio deTouro? Vocês o consideram de suficiente importância para merecer o má­ximo esforço? Creem realmente queneste dia é possível de fato se liberar energia espiritual de suficiente poder para mudar os assuntos do mundo,desde que os filhos dos homens desempenhem a sua parte? Creem de fato e podem se ater na prática a estacrença, que neste dia o Buda, em colaboração com o Cristo e a Hierarquia de Mentes Iluminadas, além da ajudaofere­cida pelos Tronos, Principados e Potestades de Luz, que são a analogia superior dos poderes da escuridão, estão na expec­tativa para realizar os planos de Deus se os homens per­mitirem e lhes outorgarem esse direito? A tarefa principal de cada um, atualmente, não consiste em lutar contra os poderes do mal e as forças daescuridão, mas em despertar o interesse e mobilizar no mundo as forças da luz e os recursos das pessoas de boa vontade corretamente orientadas. Não se oponham ao mal, mas organizem e mobilizem o bem efortaleçam desta maneira as mãos dos que trabalham em bem da retidão e do amor, para que o mal tenhamenos oportunidades.
Se têm fé do tamanho de um grão de mostarda no que lhes disse, se creem firmemente no trabalho do espíritode Deus e na divindade do homem, esqueçam-se de si mesmos e consagrem todo o seu esforço, desde omomento em que receberem esta comunicação, à tarefa de colaborar no esforço organizado para mudar acorrente dos assuntos mundiais mediante o aumento do espírito de amor e da boa vontade no mundo, durante omês de maio.

Pontos práticos:

No esforço que vocês realizam para ajudar o mun­do neste momento há três coisas práticas que podem ser feitas.Não me refiro à tarefa de preparação que cada um de vocês deve rea­lizar individualmente em si mesmo. Cadaum por si só e no lugar secreto do seu próprio coração deve desejar ativamente purificação, sacrifício, claro pensare maior sensibilidade, e trabalhar por isso. O esforço de vocês deve consistir em reajustar os assuntosparticulares de maneira que a semana da lua cheia possa lhes render a mais plena oportunidade decolaborar, e julgar sensatamente e expressar verdadeira habilidade na ação deve ser a demonstração do seu intento, à medida que procuram despertar em seu círculo imediato a importância do momento. Isto dou porassentado. Refiro-me ao esforço geral que podem empreender, e é de três categorias:

  1. Instruir de forma ativa e mobilizar os aspirantes e dis­cípulos mundiais conhecidos, não importa emque grupo trabalhem, de maneira que possam se preparar devidamente e atuar em seus própriosgrupos como considerarem conveniente.
  2. Exortar o maior número possível de pessoas a participar no dia da oportunidade, mobilizando-aspara realizar um vasto esforço mundial a fim de despertar um novo espírito de boa vontade echamar a que empreguem conjuntamente a Grande Invocação no dia da lua cheia de Wesak. Os trabalhadores de todos os países devem fazer todo esforço possível para aumentar o número depessoas que empregam esta Invocação, e para familiarizar o público com os ideais com que seidentifica o Novo Grupo de Servidores do Mundo. Todos devem receber instruções e ajuda paradifundir o emprego da Invocação em seu próprio idioma, com palavras que permitam aceitá-la,realizando um amplo esforço para que seja simultaneamente utilizada no dia da lua cheia de maio(Touro). É preciso advertir que a pronunciem em voz alta para que o volume do som tenha um realpoder e pondo nela todo o poder da vontade. O objetivo das Forças que podem prestar ajuda nestemomento é a invocação da “vontade para o bem”. É de suma importância compreenderplenamente isto.
  3. Preparar o maior nú­mero possível de reuniões públicas no dia da lua cheia de maio (Touro). Comisto quero signi­ficar que as reuniões que devem ser celebradas para o público devem ter lugar emqualquer momento durante as dezoito horas que antecedem e no momento da lua cheia inclusive.Não é relevante que seja na hora exata, sempre que possa participar o maior número possível depessoas em qualquer momento durante as precedentes dezoito horas, assentando assim as basespara ajudar no trabalho que terá lugar no momento da lua cheia. Os aspirantes que puderem fazer isso devem procurar, porém, permanecer em meditação, se possível de forma grupal, nomomento exato, e seu trabalho será capitalizar a energia então disponível, e aproveitar o vórticede força gerado anteriormente nas reuniões públicas, pondo todo o peso da demanda pública pormaior paz e luz, em bem do esforço realizado pela Hierarquia.

A maneira de realizar estes três objetivos e impulsionar no mundo para que realize um esforço organizado paraalcançar a paz mundial e a colaboração, deverá ser decidida segundo as exigências do momento, a necessidadeda ocasião e as circuns­tâncias variáveis do lugar, do país e das condições ambientais.

Qual é o objetivo do trabalho grupal em Wesak?

O que procuramos fazer é empreender um esforço grupal de tal magnitude que no momento correto produzirá,em seu crescente impulso, um empuxo magnético tão potente que chegará até as vidas que meditam sobre ahumanidade e nossa civilização, e que trabalham através dos Mestres de Sabedoria e da Hierarquia reunida.Este esforço grupal evocará dEles um impulso magnético de resposta que unirá, por meio dos grupos as­pirantes,as influentes Forças benéficas. Por meio do concen­trado esforço destes grupos (que constituem subjetivamenteo grupo Uno) no mundo hoje pode ser liberada a luz, a inspiração e a revelação espiritual em tal onda depoder que produzirá mudanças definidas na consciência humana e melhorará as condições neste mundonecessitado. Os homens abrirão os olhos a estas realidades fundamentais, hoje percebidas apenas vagamentepelo público pensante. Então a própria humanidade aplicará os lenitivos necessários, na convicção de fazê-lo pelopoder da sua própria sabedoria e fortaleza pressentida; contudo, por trás da ­cena estão agrupados os aspirantesdo mundo, trabalhando silen­ciosamente entre si e em uníssono com a Hierarquia, mantendo deste modo o canalaberto por onde possa fluir a sabedoria, a força e o amor necessários.

Que relações se estabelecem nesta tarefa?

  1. As Forças da Luz e o Espírito de Paz, conjunto de Vidas de uma grande potência grupal.

  2. A Hierarquia planetária.

  3. O Buda.

  4. O Cristo.

  5. O Novo Grupo de Servidores do Mundo.

  6. A Humanidade.

cuja analogia na vida do aspirante individual é:

  1. O mundo das almas nos níveis mentais superiores.

  2. O Mestre do seu grupo.

  3. O Anjo solar.

  4. O discípulo aspirante, nos níveis mentais inferiores.

  5. A personalidade integrada, que muitas vezes traz dificuldades.

  6. As relações ambientais do aspirante.

Será útil para os estudantes lembrarem destas analogias, porque assim poderão se liberar das limitações de suas vidas e chegar a uma verdadeira compreensão das premissas principais, quando observarem que suas pequenas e insignificantes vidas são apenas o reflexo de fatores maiores e mais importantes.

Se podem aspirar, orar, meditar e servir, enfocando-se em uníssono com os demais servidores no momento dalua cheia de maio (Touro), a salvação da humanidade avançará com maior rapidez que até agora e os resultados serão muito evidentes.

Trechos extraídos de Psicologia Esotérica, Vol. II

FESTIVAL DE WESAK 2016 – CERIMONIAL